Cultura da Região dos Lagos agora disponível em guia impresso bilíngue e aplicativos para tablets e celulares

In Arraial do Cabo, Búzios, Cabo Frio, Cultura, Macaé, Rio das Ostras, Rio de Janeiro, São Pedro da Aldeia, Turismo por Eva LartigueDeixe um comentário

riodasostrasA cultura do Estado do Rio de Janeiro está mais acessível: o Mapa de Cultura do Rio de Janeiro, enciclopédia online das manifestações culturais fluminenses, acaba de ganhar versão em inglês e novos conteúdos – são 120 vídeos documentários, 3 mil e 500 verbetes e 8 mil fotos. Inúmeras riquezas culturais materiais e imateriais de Araruama, Cabo Frio, Armação dos Búzios, Saquarema, Arraial do Cabo, São Pedro da Aldeia, Iguaba Grande e Rio das Ostras, além de Maricá, Silva Jardim e Casimiro de Abreu estão retratadas no novo portal bilíngue. A cultura dos municípios da Baixada Litorânea também está disponível em novas mídias: aplicativos para tablets e celulares (IOS e Android) e guia impresso bilíngue e ilustrado Cultura.RJ.

Os aplicativos Mapa RJ trazem funcionalidades como as sessões Por Perto e Meu Mapa, onde o usuário pode desde levantar os pontos como atrações culturais mais próximos à sua localização até montar seus roteiros pelas regiões do estado, integrando-os ao Google Maps. Trazem ainda todo o conteúdo disponível no portal, os vídeos, fotos, textos e mapas dos 92 municípios do estado com interface própria e navegação amigável criada especialmente para os mobiles.

Uma outra novidade é o Cultura.RJ, guia ilustrado impresso bilíngue, com 416 páginas, com tiragem de 5 mil exemplares. O guia traz um recorte de algumas das principais atrações e roteiros do Mapa de Cultura do Rio. Com dez mapas, em torno de 250 fotos, e informações de serviço, o guia apresenta o Rio em todas as suas faces: do tradicional, ao pitoresco; do oficial ao alternativo; do folclore à arte urbana. Da Feira das Yabás ao Theatro Municipal, diferentes patrimônios singulares da cidade do Rio. Da efervescência da Baixada Fluminense, com seus cineclubes e coletivos urbanos, à resistência dos bois pintadinhos e folias de reis do Norte e Noroeste do Estado – passando pelas fazendas e os atabaques do Vale do Paraíba; pelo clima ameno com “sotaque europeu” da Região Serrana; ao charme colonial e cultural de Paraty, na Costa Verde.

Para a Secretária de Estado de Cultura Adriana Rattes, “o guia, os aplicativos e a versão em inglês tornam ainda mais acessíveis – para jovens, turistas, viajantes e curiosos – os belos, poéticos e dinâmicos conteúdos do Mapa. Este trabalho é contínuo e permanente e será sempre incompleto, pela natureza do que se propõe a retratar, mas hoje o Mapa já forma um banco de dados com 3.500 verbetes, 120 vídeos e oito mil fotos, a cargo do Instituto Estadual de Patrimônio Cultural, o Inepac.”

O Mapa de Cultura do Rio de Janeiro é um projeto da Secretaria de Estado de Cultura, com patrocínio da Petrobras e produção e conteúdo da Diadorim Ideias. A Faperj aderiu ao projeto, em 2014, sendo responsável pela viabilização dos aplicativos e do guia Cultura.rj. Trata-se de um esforço inédito de pesquisa e catalogação que reúne informações sobre espaços culturais, patrimônios materiais e imateriais, personagens, agenda cultural fixa e grupos artísticos dos 92 municípios do estado, resultado de um trabalho de reportagem com equipes que percorreram 15 mil quilômetros do território do estado em 2011 e 2013.

Deixe um Comentário