I Festival da Dignidade é sucesso em Cabo Frio

In Arraial do Cabo por Eva LartigueDeixe um comentário

Apresentações de dança, música e capoeira foram aplaudidas de pé pela plateia

 O I Festival da Dignidade, realizado pela Secretaria Municipal de Assistência Social de Cabo Frio foi um grande sucesso. O evento foi realizado durante a segunda-feira (25/11) no Teatro Municipal de Cabo Frio e contou com a presença

unnamed (4)

dos usuários dos sete CRAS – Centro de Referência de Assistência Social de Cabo Frio: Praia do Siqueira, Monte Alegre, Jardim Esperança, Jardim Nautilus, Manoel Corrêa e Tamoios. A emoção predominou durante todo o espetáculo que contou um pouco da história a cidade, com o tema: “Cabo Frio, nossa terra amada”, fazendo homenagens aos índios, passando pela chegada dos portugueses, a cultura negra e tantos outros povos importantes na formação do município.

 O espetáculo foi aberto pela orquestra da oficina de música do CRAS Monte Alegre que levou para o palco a emoção do Hino Nacional Brasileiro e o Hino de Cabo Frio ao som de clarinetes, saxofones e tantos outros instrumentos. Uma belíssima apresentação que emocionou profundamente a secretária de Assistência Social, Carolina Trindade Corrêa.

 – Esse lindo trabalho que está sendo mostrado aqui hoje simboliza um pouco do importante serviço que é realizado diariamente nos CRAS de Cabo Frio. Estão todos de parabéns e a Secretaria Municipal de Assistência Social de Cabo Frio está orgulhosa de todos vocês – declarou a secretária.

 As oficinas de balé de todos os CRAS fizeram diversas apresentações, homenageando os artistas cabo-frienses, o poeta Victorino Carriço, o Carnaval, os bairros tradicionais de Cabo Frio, os índios, os negros e os portugueses. Todos os grupos mostraram com animação o quanto se prepararam para fazer bonito no festival.

 A parte musical do espetáculo também foi marcada por belas interpretações dos usuários das oficinas de música de todos os CRAS. Uma grande emoção tomou conta do teatro ao som da canção “Dias Melhores”, interpretada com muita empolgação por todos os participantes, levando a plateia a aplaudir de pé.

 – Essa apresentação emocionante mostra o quanto é importante o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos que é desenvolvido nos CRAS, onde funciona o PAIF – Serviço de Atendimento Integral à Família. É importante ressaltar que o CRAS não é só dança e música, essas oficinas são um atrativo para que as famílias estejam nos CRAS, onde a política pública da Assistência Social é efetivamente realizada, garantindo os direitos dos usuários e das famílias – afirmou a superintendente de Gestão do SUAS, Jeanne de Souza.

Deixe um Comentário