Pesquisa Promídia, sobre intenção de votos para deputado estadual, gera polêmica em Cabo Frio

In Arraial do Cabo, Brasil, Búzios, Cabo Frio, Macaé, Política, Rio das Ostras, Rio de Janeiro, São Pedro da Aldeia por Eva LartigueDeixe um comentário

10690022_652162074903325_6424129214795612314_n
Sondagem indica liderança de Taylor Jasmim, mas é rechaçada por Janio Mendes, que aparece em segundo lugar

A pesquisa de intenção de votos para os candidatos às vagas da Assembleia Legislativa do Estado do Rio (Alerj), do Instituto Promídia Pesquisas de Opinião Pública e Marketing, está dando o que falar em Cabo Frio. A sondagem, realizada em agosto deste ano, aponta Taylor Jasmim (PTB) em primeiro lugar, com 18,8%. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), sob o número RJ-00031/2014.

Para o deputado estadual e candidato à reeleição, Janio Mendes (PDT), que aparece em segundo lugar na referida pesquisa, trata-se de um trabalho duvidoso. Segundo ele, há algumas semanas, um homem, identificando-se como sendo da Promídia, o procurou para vender uma pesquisa eleitoral, em que ele apareceria em primeiro lugar. O valor, de acordo com o candidato do PDT, era R$ 20 mil.

“Fui procurado por uma pessoa desta empresa. O que me surpreendeu é que na pesquisa que ele me mostrou, eu estava em primeiro lugar. Depois que recusei a proposta, ele registrou uma sondagem diferente”, questiona o candidato.

Na pesquisa da Promídia, que está sendo divulgada nas redes sociais, Taylor lidera a sondagem, com 18,3% das intenções de votos. Em segundo lugar está Janio Mendes (PDT), com 17,7%, seguido de Silas Bento (PSDB), 7,3%, Alfredo Gonçalves (PV), 6,3%, Aquiles Barreto (SDD), 5,4%, Fernando do Comilão (PSDB), 3,7%, Geraldo Pudim (PR), 3,5%, Paulo Henrique Correa (PR), 2,8%, Paulo Melo (PMDB), 1,7%, Alexandre Martins (PRB), (0,8%), Bernardo Ariston (PR), 0,8% e Gilbertinho, 0,5%. Brancos e Nulos somam 2,5% e indecisos 28,7%.

Para o candidato a deputado estadual pelo PR, Bernardo Ariston, que ficou em penúltimo lugar na pesquisa, ficando a frente apenas de um candidato desconhecido, de nome Gilbertinho, questionou a veracidade da sondagem. “Trata-se de um instituto fajuto e desconhecido. Gostaria de conhecer a metodologia da pesquisa, mas pelo visto trata-se de um trabalho que não deve ser levado em consideração, já que, pesquisa de intenção de votos para candidaturas proporcionais é coisa de amador”- atacou Ariston.

Já para Taylor Jasmim, a pesquisa apenas serve como um termômetro do trabalho realizado por ele e a equipe na campanha para deputado, que está nas ruas, percorrendo bairros e cidades da Região.

“Pesquisa não ganha eleição. Não sei porque meus adversários estão tão agitados com isso. Encaro essa sondagem como um termômetro que vai me mostrar se o que estou fazendo na campanha está dando certo”, disse Taylor Jasmim.

Rejeição

Entre as perguntas feitas na pesquisa, estava a seguinte: Se a eleição para deputado estadual fosse hoje, qual destes nomes você não votaria de jeito nenhum? De acordo com as escolhas dos entrevistados, a maior rejeição foi de Paulo Henrique Corrêa, que teve 6,1% dos votos, seguidos de Janio Mendes, 4,9%; Paulo Melo, 4,5%; Alfredo Gonçalves, 3,1%; Taylor, 3,0%; Silas Bento, 2,9%; Gilbertinho, 2,6%; Fernando Comilão, 1,7%; Paulo Melo, 1,3%; Bernardo Ariston, 0,3%; Paulo César, 0,3%. Brancos e nulos totalizaram 5,7% e os que não sabem ou preferiram não opinar foram 59,8%.

Federal

Já para deputado federal, Marquinho Mendes (PMDB) aparece com 36,9% das intenções de votos, seguido de Paulo César (PTB), 21,9%; Delma Jardim, 4,5%; Walmir Porto, 3,8% e Fabiana Barcelos, 2,1%. Brancos de nulos totalizaram 2,5% e os que não sabem ou não quiseram opinar, 28,3%.

Fonte: RC24H

Deixe um Comentário